Você que é um profissional da área de Gestão de Projetos Ágeis certamente se interessará por esse texto. Aqui, vamos indicar e analisar alguns tipos básicos de indicadores (KPIs) que influenciam na gestão de projetos. Dessa forma, têm-se alguns dos que são chamados de básicos, indicadores que ajudam o profissional a justamente conseguir realizar a gestão de uma forma segura e satisfatória.

O primeiro indicador básico diz respeito à Produtividade da equipe (entrega), ou seja, essa produtividade poderá ser melhorada e aumentada de acordo com alguma estratégia que possa fazer melhorar a sua gestão e como consequência as entregas e resultados, assim, uma dica seria automatizar a distribuição de tarefas, desta forma, essas tarefas são delegadas de forma simples e automatizada para cada um, com a ajuda de uma ferramenta de gestão de projetos.

O segundo indicador é o Cronograma, que auxilia o gestor a conseguir terminar dentro de um prazo estipulado o projeto que se propôs a realizar; dessa forma, o cronograma ajuda também a que o profissional consiga otimizar a produção de uma entrega. Portanto, deve ser bem feito e estruturado bem como as suas estimativas devem ser confiáveis para que se possa avaliar todo o tipo de cenário que se possa ocorrer.

O terceiro indicador é Organização e evolução do Backlog, indica nada mais que uma lista com todas as funcionalidades que o projeto pode vir a ter. Como integrantes do Backlog temos dois tipos: os Product Backlog, que é uma lista onde estão todas aqueles itens que servem como funcionalidades que o projeto poderá vir a apresentar; e o chamado Sprint Backlog, em que estão inseridas essas mesmas funcionalidades encontradas no Product Backlog e que mostram a prioridade do cliente e o quão complexo será o projeto e o que nele será feito.

O quarto indicador é o ROI, que seria, simplesmente, o lucro das empresas que querem avaliar se o investimento em um projeto dará retornos suficientes para justificar a sua implantação.

Para que você possa ter êxito nos seus projetos de gestão é conveniente contar com um software que possa auxiliá-lo, dentre eles, destaca-se o sistema Acelerato, que auxilia no gerenciamento de projetos e equipes, priorizando as demandas daqueles e coordenando estas, trazendo, assim, uma maior satisfação aos seus clientes.

 



Ainda não conhece o Acelerato? Não perca tempo, acesse agora e cadastre-se gratuitamente clicando aqui