Planning poker - reuniao

Em um ambiente de desenvolvimento de software, constantemente nos deparamos com a necessidade de estimar o esforço necessário para a realização de uma tarefa.

O problema é que numa área de atuação que envolve trabalho criativo e soluções baseadas em esforço subjetivo como é a área de Desenvolvimento, Design ou Marketing, é bem provável que você terá divergências quanto à estimativa de esforço dada por cada pessoa do seu time.

Para facilitar este processo, Mike Cohn em seu livro Agile Estimating and Planning fala sobre esta técnica de estimativas de tamanho de tarefas voltadas para as metodologias ágeis e Desenvolvimento de Software.

O Planning Poker se baseia na idéia de estimar idéias através de um jogo de cartas, onde todos os envolvidos no processo devem fazer uma estimativa pessoal com base no seu conhecimento pessoal e na analise de uma tarefa, e o objetivo final é que haja um consenso através de discussão e argumentação rápida para tal.

 

Planning Poker  naipes

 

O Baralho

O baralho de Planning Poker é constituído de uma sequencia similar à de Fibonacci, tendo cartas com os seguintes valores 0, ½, 1, 2, 3, 5, 8, 13, 20, 40 e 100 havendo ainda uma carta com o símbolo de interrogação, que representa que o estimador não se sente apto a estimar ou participar da discussão, além de uma variação em que aparece uma carta de xícara de café que significa uma sugestão para uma pausa.

O Processo

Durante o processo de Planning Poker, a metodologia tradicional (que é a utilizada aqui na Bluesoft) temos um analista, que deverá atuar como facilitador da reunião e juiz do processo.

1. O analista deverá reunir uma lista de tarefas para serem estimadas, para isso, ele deve realizar a sua analise, da melhor forma que puder e montar a sequencia em que serão discutidas.

2. O analista deve explicar para os membros da equipe a tarefa a ser realizada, levantando as complicações técnicas que ele mesmo tenha identificado, áreas e itens que devem ser levados em conta no processo de desenvolvimento.

3. Após explicar a tarefa, o analista deve fazer um check com os membros para saber se todos os envolvidos estão cientes e entenderam o que envolve e o objetivo da tarefa.

4. Inicia-se a discussão de estimativa: cada envolvido deve selecionar o valor de esforço que pensa ser o valor de esforço desta tarefa.

a – É importante que o time defina um valor base para sua referencia.

Por exemplo:
Cadastro simples = 3 pontos
Listagem sem ações = 1 ponto

b – Nem toda equipe tem os mesmos valores para suas estimativas, e é importante que a equipe refine com frequência este valores, discutam um consenso.

5. Todos mostram os valores de sua estimativa.

6. Caso todos concordem com o mesmo valor, a estimativa está concluída.

planning-poker-example

Quando o time discorda em suas estimativas, deve-se eleger aquele de estimativa mais alta e o de mais baixa, e estes devem explicar o porque votaram naqueles valores.

Isto ajuda para que o conhecimento de soluções mais praticas e problemas mais ocultos sejam levados à tona, por exemplo quando um desenvolvedor pensa que uma tarefa pode ser simples e vota 3, mas um testador vota 20 porque consegue pensar em inúmeros casos de teste que o desenvolvedor não chegou a pensar, e isto pode elevar o esforço da tarefa e o tempo de desenvolvimento, mas torna mais assertiva a estimativa gerada.

Outra coisa que é importante de se ter em mente, é que quando o time concorda que uma tarefa possui uma estimativa muito alta, é importante que possa dividir esta grande tarefa em menores, mesmo porque o foco do desenvolvimento ágil, é a ter entregas constantes e regulares, que agreguem valor ao seu cliente. Outro motivo importante de se dividir uma tarefa em várias menores, é que você poderá criar pequenos checkpoints para seu time, assim, ele tem uma noção melhor do desenvolvimento da demanda, e tem uma sensação mais aproximada de sua produtividade, influenciando em sua motivação e satisfação no resultado de seu trabalho.

Utilizamos o planning poker aqui na Bluesoft, e sempre envolvemos na nossa discussão os testadores, designers e desenvolvedores. Isto faz com que todos tenham uma noção mais completa do esforço envolvido no desenvolvimento de uma tarefa, e ajuda para que seu time tenha maior sintonia no seu pensamento.

Planning poker é uma ferramenta bem útil para nós, e por isso vamos disponibilizar o nosso template que utilizamos aqui na Bluesoft, esperamos que goste e que compartilhe aqui suas impressões.

 

Gostou?
Tem alguma dúvida, sugestão ou critica? Por favor deixe seu comentário no final da página.

Até a próxima!

——————————————————————————————-



Ainda não conhece o Acelerato? Não perca tempo, acesse agora e cadastre-se gratuitamente clicando aqui