Quando o assunto é sobre empresas e remete a comunicação, logo pensamos no público-alvo: os clientes. Porém, este é um grande erro de gestão e a comunicação interna se prova cada dia mais um fator chave de sucesso para a boa operação de um negócio.

Calma, explicamos: quem faz o seu negócio funcionar? Claro que o crescimento da empresa se dá graças aos clientes que consomem seus produtos, mas o que seria dela sem os colaboradores?

O assunto desse texto é super importante. Hoje falaremos sobre comunicação interna.

Quer aprender o que é comunicação interna e ainda conhecer 5 dicas de estratégias para implementar para otimizar a comunicação entre os seus colaboradores?Então acompanhe:

Você sabe o que significa Comunicação Interna?

Podemos sintetizar o conceito de Comunicação Interna como o ato de transmitir e compartilhar informações em um ambiente corporativo. Isso, de dados estratégicos da operação até mesmo sobre o posicionamento da empresa, como missão, visão e valores.

A comunicação interna mantém o empreendimento alinhado

Como estamos acentuando, os colaboradores são cruciais na composição de uma boa organização. Sendo assim, imagine só como a empresa vai caminhar se os colaboradores estiverem desmotivados ou desinformados.

Comunicar-se com eles é sobre compartilhar as informações, dados, avaliações e estratégias dentro do ambiente de trabalho. Portanto, é muitíssimo difícil que a sua linha de frente transmita o seu planejamento se ela nem ao menos sabe do que se trata.

A desinformação, a baixa produtividade e os resultados negativos podem ser combatidos com a comunicação interna. Ela faz com que os colaboradores fiquem alinhados com os objetivos da empresa, envolvendo-se e engajando-se com eles.

A comunicação interna traz vários benefícios à empresa. Por exemplo:

• Aumento da produtividade;
• Ambiente de trabalho agradável e amigável, ou seja, sem conflitos em equipes;
• Diminui o turnover, ou seja, a taxa de rotatividade dos colaboradores;
• Fácil adaptação de novos colaboradores;
• Otimiza o trabalho dos líderes e setores;
• evita o retrabalho;
• Centraliza as informações;
• Engaja a organização no decorrer de crises;
• Minimiza fofocas.

 

Viu quanta coisa? Então agora acompanhe algumas dicas de estratégias para implementá-la.

1. Planeje as ações

Se você é um gestor, isso não é nenhum novidade para você: planejar é crucial. É preciso estabelecer a ordem para tudo que será colocado em ação.

Qual é o seu objetivo em relação a essa troca de informações? Responda essa pergunta e então trace um plano de ação. Além disso, ao começar a agir, tenha métodos para medir os resultados e ajustar o que for necessário.

2. Seja claro e transparente

Seria totalmente incoerente fazer um planejamento para promover a comunicação interna, se as mensagens forem confusas ou não acessíveis.

A organização da sua empresa ser vertical, ou seja, a informação precisa chegar clara e inteligível para todos. A hierarquia não pode atrapalhar na mensagem.

É preciso considerar quem vai receber cada informação. Por exemplo, mesmo que as áreas sejam integradas nem sempre um colaborador que trabalha na área de marketing vai entender o que algum termo técnico da área financeira significa.

Além disso, a transparência entre empresa e funcionários é fundamental para construção de confiança. Lembre-se, seja qual for a situação é muito melhor que ele saiba por você do que por rumores nos corredores.

3. Use uma ferramenta para centralizar a informação

Automatizar as formas de contato é um jeito de garantir que todos recebem as mesmas informações e atualizações. A troca de informações entre os departamentos deve ficar livre de qualquer empecilho.

Quando há grupos na corporação e as informações são retidas para as pessoas a situação pode se complicar, gerando o famoso “telefone sem fio”. O fluxo de informações precisa ser simples: uma ferramenta de comunicação interna dá conta disso.

4. Seja aberto ao diálogo

Se você quer promover a comunicação interna, ela precisa começar e passar por você. Ouça o que os seus colaboradores têm a dizer. Ideias, sugestões, apontamentos, tudo é válido.

Quando você ouve – e conversa – com os membros da sua equipe, eles sentem que pertencem. Isso ajuda para que eles vistam a camisa da empresa.

Outro ponto importante: se você planeja, quem executa são eles. Ou seja, as informações sobre o que está acontecendo e sobre os gargalos reais da organização estão em poder deles.

Uma boa ideia é proporcionar um ambiente coletivo – como uma área de lazer, por exemplo – para que haja esse convívio e essa interação. Eventos de relacionamento também são super válidos.

5. Seja uma boa liderança

Um dos fatores importantes para a realização do seu colaborador é que ele seja reconhecido por um bom trabalho. Reconheça as ações e esforços da sua equipe. Além disso, acompanhe o desempenho, otimizando os indicadores da área.

Da mesma forma que você propaga as informações acerca das tarefas e prazos, por que não fazer o mesmo com o reconhecimento do trabalho prestado? Acredite, isso faz muita diferença na forma como o colaborador sente a liderança.

Feedbacks são extremamente importantes, pois demonstram que a empresa se preocupa com o colaborador e investe de alguma forma para o crescimento dele. Existem diversas ferramentas que podem ajudar você a acompanhar essas métricas.

 

A comunicação interna é mais que importante, é uma ferramenta imprescindível para o bom desenvolvimento de sua gestão e de seus negócios.

Uma boa forma de agilizar todo esse processo relacionado ao fluxo de informações, é fazer uso do sistema Acelerato, que promove a interação entre usuários de forma online, podendo ser acessada a qualquer hora em qualquer lugar.

As soluções dessa ferramenta promovem colaboração e produtividade, uma vez que visa atender a necessidade da integração entre setores.

Para passar a cultura organizacional ao seu time, prestar um melhor serviço ao seu cliente, engajar a sua equipe e, consequentemente, tornar a sua empresa mais competitiva, é mais do que necessário alinhar o funcionamento do seu negócio, usando-se da comunicação interna. E aí, pronto para começar?

Tem alguma dúvida, sugestão ou critica? Deixe um comentário no final da página.



Ainda não conhece o Acelerato? Não perca tempo, acesse agora e cadastre-se gratuitamente clicando aqui